background_cinza2x.png

DO BLOG MANJERICÃO

  • John Soares

Alimentos que ajudam a emagrecer

Atualizado: Jun 3

Existem alimentos que ajudam a emagrecer que você deve agora mesmo incluir na sua dieta.

Afinal de contas, eles trazem benefícios no processo de perda de peso, ajudando o corpo a queimar as calorias que tanto incomodam.

No entanto, entenda que, por si só, esses alimentos não são capazes de fazer milagres no seu corpo e organismo.

Dessa maneira, é fundamental que, juntamente da ingestão deles, você comece a adotar a prática de exercícios físicos também.

Assim, esses alimentos que ajudam a emagrecer serão verdadeiros potencializadores da eliminação das gorduras. Aliás, conheça cada um deles abaixo.

Abacate

Em primeiro lugar está o abacate, que é o queridinho das pessoas apaixonadas por guacamole. Ora, ele é rico em gordura do bem, fibras e magnésio, sendo assim uma fruta extremamente poderosa.

Segundo diversos estudos, esse alimento ajuda na saciedade e é capaz de até mesmo amenizar o aumento das células gordurosas entre os órgãos abdominais.

Uma vez que apresenta magnésio, o abacate se torna crucial para o emagrecimento, já que ativa centenas de enzimas que controlam a digestão, absorção e o uso de proteínas, carboidratos e gorduras.

Além disso, ele também auxilia no equilíbrio do açúcar no sangue, o que é vital para a perda de peso.

No mais, o abacate também tem glutationa, substância que contribui para equilibrar os níveis de cor e o potássio, substância que impede o inchaço corporal e a retenção de líquidos.

Diante disso, a sugestão é que você inclua essa fruta nas mais diversas refeições, como café da manhã e pode até mesmo utilizá-lo como manteiga nas torradinhas.

diversos abcates obre uma mesa cinza

abacate excelente para saúde e processo de emagrecimento


Especiarias

Um dos alimentos que ajudam a emagrecer mais importantes são as especiarias. De acordo com especialistas, temperos, como a pimenta caiena e salsa, por exemplo, também ajudam na perda de peso, o que acontece porque são ricos em capsaicina.

Desse modo, apresentam ação termogênica, o que é altamente benéfico para o processo de digestão. Afinal de contas, ela eleva a temperatura corporal e a taxa metabólica em até 20%.

Além do mais, ingerir essas especiarias ainda é capaz de combater o inchaço corporal, auxiliando na capacidade do corpo de converter alimentos em combustível e, por fim, ajuda no controle do desejo em consumir doces.

A sugestão de consumo é simples, para iniciar, comece a inserir as especiarias juntamente com os demais alimentos citados aqui, com certeza elas darão um sabor mais nutritivo a sua alimentação.

Leguminosas

Se ainda não o faz, é o momento de abusar dos feijões, lentilha, ervilha e grão de bico, que podem ser o ponto chave para a sua jornada rumo a perda de peso.

Além de serem ingeridos no dia a dia, as leguminosas são alternativas fantásticas para reduzir a taxa de digestão, pois ocupam mais espaços no estômago e, resultando numa maior saciedade.

As vantagens da ingestão desses alimentos são diversas, uma vez que são ricas em ferro e fibras, sendo altamente nutritivas e, de fato, fornecem combustível abundante para o sistema gastrointestinal.

Enfim, outra vantagem das leguminosas, que são alimentos que ajudam a emagrecer, é que elas se encaixam nos alimentos sem glúten sendo, portanto, ótimas para celíacos.

No mais, com tantas leguminosas a disposição, é possível montar um vasto cardápio e assim explorar bastante a sua criatividade.

Para iniciar, teste o consumo como prato principal, acompanhamento e petisco. Aliás, para tal finalidade, feijões são ótimas pedidas.

Ainda é possível petiscar o grão de bico assado no forno, temperado com especiarias que foram apresentados anteriormente.

Fundo preto com diversos pote com grãos

Grãos e sementes ajudam no processo de emagrecimento


Nozes e sementes

Na sequência, entre os alimentos que ajudam a emagrecer, estão nozes e sementes que apresentam as chamadas gorduras boas e saudáveis que são vantajosas para a saúde.

Afinal, elas apresentam ácidos graxos, magnésio, antioxidantes e auxiliam no combate as inflamações e queima de gorduras, especialmente na diminuição da gordura da região do abdômen.

Então, exemplos de sementes que podem ser incorporados a sua dieta são:

  1. Abóbora;

  2. Linhaça;

  3. Chia;

  4. Amêndoas.

Aliás, essas sementes ajudam a manter a saciedade por mais tempo, o que evita que você exagere no consumo dos alimentos gordurosos e calóricos.

No mais, a sugestão é consumir as sementes e nozes no café da manhã com iogurtes e frutas, por exemplo.

Folhas verdes escuras são alimentos que ajudam a emagrecer

Ainda nessa lista estão as folhas verdes escuras, como:

  1. Acelga;

  2. Agrião;

  3. Brócolis;

  4. Couve-manteiga;

Isso porque, elas são fontes de fibras, vitaminas e minerais. E, o melhor: se tratam de alimentos que ajudam na perda de peso de forma saudável.

O motivo para isso é que elas possuem bastante ferro, o que contribui para o transporte do oxigênio em todo o corpo, o que torna até mesmo mais eficiente a prática de exercícios e o desenvolvimento da musculatura.

De fato, por serem ricas em ferro e proteínas animais, além de conterem um alto valor biológico de zinco e vitaminas do complexo B, especialmente a vitamina B12, vegetarianos e veganos se beneficiam bastante da ingestão desses alimentos.

Nesse sentido, as folhas verdes escuras também são excelentes amigas das pessoas diabéticas, uma vez que agem como maneira preventiva a doenças renais e cardiovasculares, equilibrando assim o açúcar no sangue.

Para adicionar esses alimentos que ajudam a emagrecer na sua alimentação, é possível preparar uma omelete de espinafre, um suco detox com frutas e couve ou até mesmo um ensopado de acelga, por exemplo.

prato branco em fundo amarelo

prato branco em fundo amarelo


Conclusão

Todos os alimentos que ajudam a emagrecer e que foram mencionados aqui podem ser adicionados a sua alimentação, desde que não existam exageros.

Não se esqueça também que o mais importante para o emagrecimento sadio é o déficit calórico sem restrições e sem redução excessiva de calorias consumidas, para não diminuir o metabolismo e causar um efeito sanfona posteriormente.

Aliás, para melhorar o seu desempenho durante esse processo, adote uma alimentação equilibrada juntamente com a prática de atividades físicas, pois assim você consegue emagrecer de forma rápida e garantida.

Leia também em nosso blog:

  1. Você está com deficiencia de Vitamina D

  2. Chá verde, chá vermelho, chá branco e chá amarelo, qual a diferença?

  3. Benefícios do alho

  4. receitas com farinha de berinjela

  5. uma dieta sem glúten emagrece?

  6. quanto tempo você leva para gastar as guloseima que come?

  7. chás para diminuir gordura no fígado

  8. qual a diferença entre manteiga e margarina

  9. receitas com tamâras

Gostou? Deixe seu comentário aqui embaixo e compartilhe com os amigos.

Somos uma loja de produto naturais com mais de 330 itens a granel.

Estamos localizados em São Paulo, Parque São Domingos, Zona Oeste, Pirituba.

O melhor do produto natural com qualidade, sempre dicas e receitas incríveis para uma vida melhor.

Veja nossa página de receitas e aprenda a fazer pratos simples, saborosos e com ingredientes naturais. Certamente você não vai querer ficar fora de tanta dica incrível.

Nossa loja virtual é segura e você compra alimentação saudável, veganos, vegetarianos, feira orgânica, produtos sem glúten e sem lactose: www.loja.emporiomanjericao.com.br.

Quer receber nosso newsletter semanal? Clique aqui e se cadastre.

Este blog é apenas informativo e em nenhuma hipótese dispensa a consulta com um profissional especializado como um médico ou nutricionista.

#alimentosparaemagrecer #comoemagrecer #emagrecimentonatural #emagrecimentosaudável

2 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

SIGA NOSSO INSTAGRAM

instagram.png

PERGUNTAS FREQUENTES

#demo.question.question1#


#demo.question.question1.answer1#




#demo.question.question2#


#demo.question.question2.answer1#

  1. #demo.question.question2.answer2#
  2. #demo.question.question2.answer3#
  3. #demo.question.question2.answer4#
  4. #demo.question.question2.answer5#




#demo.question.question3#


#demo.question.question3.answer0#

  1. #demo.question.question3.answer1#
  2. #demo.question.question3.answer2#
  3. #demo.question.question3.answer3#
  4. #demo.question.question3.answer4#
  5. #demo.question.question3.answer5#




#demo.question.question4#


#demo.question.question4.answer1#