background_cinza2x.png

DO BLOG MANJERICÃO

BENEFÍCIOS DO USO DE MANJERICÃO



O manjericão se destaca pelo seu aroma, por isso, é muito visto na gastronomia, mas também oferece inúmeros benefícios para a saúde. É conhecido ainda como alfavaca, erva-rea, basilicão, entre outras denominações, e trata-se de um arbusto que costuma medir de 60 cm à 1 metro de altura.


Conta com folhas largas e pequenas flores que podem apresentar coloração vermelha, branca ou lilás.

Originária da Índia, a planta contém diferentes óleos essenciais, a exemplo do citronelol, linalol e limoneno, para citar apenas alguns deles.


O manjericão é fonte ainda de vitaminas, como a K, C e A, e de minerais, entre eles, magnésio, cálcio, ferro, cobre e manganês, além de ômega-3. Devido à riqueza de nutrientes, existem muitos benefícios do manjericão. Continue com a leitura deste artigo e confira nos tópicos a seguir quais são eles.


• Quais são os benefícios do manjericão

• Dicas para consumidor o manjericão


Quais são os benefícios do manjericão


Veja a seguir a lista com os principais benefícios do manjericão:


• Ameniza a dor de cabeça e nos músculos

Já que a planta oferece a propriedade de relaxante muscular, ajuda a amenizar a dor de cabeça. Nesse caso, além de fazer o chá com a erva, é possível mastigar algumas folhas, além de passar o seu óleo no corpo, o que pode ser feito, inclusive, quando houver dor muscular.


• Ajuda no combate a resfriados

O manjericão possui efeito antibiótico, o que significa que ele protege o organismo de bactérias e dos problemas de saúde que podem provocar, como as infecções. Desse modo, trata-se de um eficiente remédio caseiro para reduzir os sintomas de resfriados, bastando fazer o chá com suas folhas ou mastigá-las.


• Ameniza crises de tosse e problemas nos pulmões

Você já pode ter visto que a erva compõe a fórmula de xaropes e expectorantes, isso acontece em decorrência das duas propriedades. Assim, para casos de tosse, recomenda-se realizar gargarejo com água fervida com folhas da planta. Para tratar a asma e a bronquite, o chá da planta também pode ajudar.


O seu óleo essencial ajuda ainda no tratamento de bronquite, congestão dos pulmões e até mesmo da tuberculose.


• Contribui com a saúde bucal

O gargarejo com água onde foi feita a infusão com as folhas do manjericão também ajuda a evitar o mau hálito, bem como outras doenças na boca. Por isso, você pode incluir esse hábito no seu dia a dia.


• Deixa a pele mais saudável

A pele também se beneficia com a planta, sendo que nela pode ser aplicado o seu extrato, o que vai evitar o aparecimento de acne. A erva ajuda ainda a pele a se recuperar, eliminando com mais facilidade as feridas que se formam.


Psoríase e micose são outros problemas que podem ser tratados com o manjericão, bem como as picadas de insetos.


• Auxilia a saúde da visão

A visão é beneficiada pela erva por conta dos seus níveis de vitamina A, sendo que esse nutriente é dotado de efeito antioxidante, que ajuda em muito a saúde dos olhos. Por isso, o seu chá pode ser consumido com alguma frequência.


• Fortalece o sistema imunológico

Muitos dos benefícios do manjericão são uma consequência do fato da planta fortalecer o sistema imunológico. Acredita-se que a erva possui substâncias que aumentam a produção de anticorpos em até 20%, mais uma razão para incluí-la na sua rotina, de preferência, as folhas frescas.


• Reduz o estresse

Mascar as folhas de manjericão ou beber o chá dessa erva pode ajudar em muito na redução dos sintomas de estresse, como irritabilidade, cansaço e ansiedade.


• Auxilia o sistema digestivo

Problemas como indigestão, azia, prisão de ventre e outros do sistema digestivo podem ser amenizados com o chá da planta. Além disso, auxilia o tratamento de úlcera gástrica e úlcera péptica, bem como no adequado funcionamento do fígado.


• Contribui com o sistema cardiovascular

Em decorrência da propriedade antioxidante, o manjericão é eficiente para diminuir os níveis de colesterol do organismo. Da mesma forma, pode reduzir o risco de desenvolver a doença da artéria coronária.


• Favorece o sistema nervoso

O sistema nervoso é mais um beneficiado com os efeitos da planta. Nesse caso, ele age nas funções do cérebro, ajudando no controle dos níveis de neurotransmissores. Assim, o seu chá serve como tônico cerebral, ajudando no desempenho da memória.


• Outros benefícios do manjericão

A planta também é útil para tratar problemas como catarro, feridas, verruga, falta de apetite, gases, aftas, rouquidão, dor de garganta, náusea, cólica e insônia.


Dicas para consumidor o manjericão

Além de fazer chá com o manjericão, mastigar as suas folhas e realizar gargarejos com a erva, é possível obter os seus benefícios de outras maneiras. Uma delas é incluindo a planta na culinária, o que é bastante comum em alguns pratos, como a pizza margarita.


Também combina com uma série de molhos, refogados e preparados com carnes, mas existe um molho que tem esse ingrediente como sua base, é o molho pesto. Veja a seguir a sua receita:




O molho pesto é muito versátil, pode ser usado em massas, sanduiches, brusquetas, canapés, acompanhado de queijos. A erva base é manjericão, mas você pode substituir por rúcula, salsa e até coentro.


INGREDIENTES:

  • 200 gramas de nozes picadas

  • Um maço de manjericão fresco, de preferência orgânico

  • 100ml de azeite de boa qualidade

  • 100ml de água quente

  • 1 colher de chá de sal

  • Suco de 1 limão

  • Uma pitada de pimenta do reino

  • 1 dente de alho


MODO DE PREPARO:

  • No liquidificador ou processador somente as folhas do manjericão, já lavadas e higienizadas, com o azeite e a água até que ele esteja bem incorporado, coloque o dente de alho e bata novamente.

  • Coloque o suco de limão, o sal e a pimenta do reino e misture bem, aos pouco acrescente as nozes até ficar bem homogêneo, caso você prefira menos ou mais pastosos é só dosar a quantidade de azeite.


DICAS:

Você pode variar bem o seu molho pesto, por exemplo, no lugar das nozes use castanhas do Pará, castanha de caju, amêndoas ou amendoim. Já no lugar do manjericão experimente rúcula, salsa ou coentro. Os demais ingredientes continuam os mesmos.


Muitas receitas incluem o queijo parmesão na receita, neste caso tome cuidado com o sal, pois o parmesão já é salgado. Se for usar o parmesão ralado recomendamos a quantia de 100 gramas.


• Chá de manjericão:

Já para fazer o chá de manjericão, basta ferver um litro de água e, depois, acrescentar em torno de 10 folhas frescas da planta ou uma colher de sopa do manjericão desidratado, deixe 15 minutos sob infusão coe as folhas e espere amornar, para então beber.


Apesar de todos os benefícios do manjericão, é prudente evitar o seu consumo de forma excessiva. Da mesma forma, deve ser evitado por mulheres grávidas ou que estejam amamentando e por crianças.

Embora não sejam comuns feitos colaterais, algumas pessoas podem apresentar reações alérgicas.


· Leia também em nosso blog:

· Licopeno para que serve

· Colágeno em pó para uma pele mais jovem

· Evite rugas com o óleo de rosa mosqueta

· Chás diuréticos

· Óleo de coco e seus benefícios


Gostou? Deixe seu comentário aqui embaixo e compartilhe com os amigos.


Somos uma loja de produto naturais com mais de 330 itens a granel.


Estamos localizados em São Paulo, Parque São Domingos, Zona Oeste, Pirituba.


O melhor do produto natural com qualidade, sempre dicas e receitas incríveis para uma vida melhor.

Veja nossa página de receitas e aprenda a fazer pratos simples, saborosos e com ingredientes naturais.


Certamente você não vai querer ficar fora de tanta dica incrível.


Nossa loja virtual é segura e você compra alimentação saudável, veganos, vegetarianos, feira orgânica, produtos sem glúten e sem lactose:

www.loja.emporiomanjericao.com.br.


Quer receber nosso newsletter semanal? Clique aqui e se cadastre.


Este blog é apenas informativo!

E em nenhuma hipótese dispensa a consulta com um profissional especializado como um médico ou nutricionista.





69 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

SIGA NOSSO INSTAGRAM

instagram.png

PERGUNTAS FREQUENTES

CREDENTIALS


Florida Bar 1988 United States District Court, Northern District of Florida 1989 United States Supreme Court 2007 Board Certified Marital and Family Lawyer 1996 Fellow American Academy of Matrimonial Lawyers 2002 Listed in Best Lawyers in America since 2007 Listed as a Florida Super Lawyer since 2008 Selected as a Leading Florida Attorney in Family Law since 1998 AV rated by Martindale Hubble Listed as Nation’s Top One Percent by the National Association of Distinguished Counsel




EDUCATION


Legal: Florida State University College of Law Tallahassee, Florida J.D. Degree - May 1988 Honors: Moot Court Jessop International Law Competition - Southeast Region Best Oralist, Second Place Team Book Award in Legal Process Order of the Barrister Activities: Moot Court Board of Directors Law School Appropriations Committee Secretary/Treasurer Florida State University Student Defender Student Bar Association American Trial Lawyers Association Undergraduate: Florida State University Tallahassee, Florida B.A. Degree in Political Science - December 1984 B.A. Degree in International Affairs - December 1984




BOARD CERTIFIED


Kristin is Board Certified in Marital and Family Law since 1996. "Board certified lawyers are Evaluated for Professionalism, Tested for Expertise." - FloridaBar.org Receiving this certification recognizes an attorney's experience, competency, knowledge, skill, professionalism, and ethics in practice. Only attorney's who have successfully been awarded Board Certification credit may advertise themselves as Board Certified. "7 percent of eligible Florida Bar members, approximately 4,800 lawyers, are board certified." - FloridaBar.org Only members of The Florida Bar who are in good standing, those who meet or exceed the Supreme Court of Florida requirements and standards, and those who have successfully passed the required exams are eligible to receive this recognition. For peace of mind and confidence, choose a Board Certified Attorney or Lawyer. For more information, please visit https://www.floridabar.org.